Foto: Sinéad McKeown

Com 20 anos tomei a decisão de ser vegetariana. Quão difícil pode ser, certo? É só não comer carne! Minha nova dieta seria fácil, não fosse o fato de que eu estava morando na França, onde a opção de não comer carne é um tipo de pecado. Você será punido por ofender as sagradas tradições culinárias. Para sempre.

“E o que você vai comer agora?” foram as palavras de encorajamento da minha mãe. Ao que respondi “Não é como se o mundo só tivesse carne e peixe para oferecer. E os acompanhamentos?”

E é exatamente isso que você come quando é vegetariano na França: acompanhamentos. Por sorte, existem outros países no mundo onde é bem mais fácil (e gostoso!) viver sem carne.

1. Índia

A melhor aposta de um vegetariano planejando viajar. Em 2007, o departamento de comida e agricultura da ONU listou a Índia como o país que menos consome carne no mundo (3.2kg por pessoa/ano, cerca de 120kg menos que os EUA) e mesmo que o consumo de animais na Índia esteja aumentando você sempre vai encontrar opções deliciosas.

O vegetarianismo está enraizado na cultura e religião do país. Hindus e jainistas, que representam 80% da população, não consomem ovos e derivados do leite com frequência, então até veganos podem viajar pelo subcontinente sem preocupações.

Pode planejar a viagem e se deliciar com pindi chana ou aloo ghobi — seu karma continuará limpo e seu paladar agradece.

2. Etiópia

A maior parte dos etíopes pertencem à Igreja Ortodoxa da Etiópia, que determina o não consumo de carne às quartas e sextas-feiras, além de longos períodos de dieta vegetariana. Encontrar pratos adequados não é difícil, portanto, e ninguém vai estranhar quando você menciona sua preferência.

Você vai encontrar a injera, um tipo de panqueca usada para pegar a comida do prato, além de pratos feitos com lentilhas, ervilhas e feijões com o tradicional tempero berbere. Isso pode ser traduzido como “Perfeito, vamos para a Etiópia!” para qualquer vegetariano que tema passar dias comendo apenas bananas e mandioca.

3. Israel

Uma onda veggie toma conta do país nos últimos anos. Todos conhecemos a beleza de um prato de hummus, mas essa revolução local joga nova luz sobre as maravilhas da cozinha israelita para todo o mundo.

Em janeiro desse ano, havia cerca de 200.000 vegetarianos em Israel, numa população de oito milhões. Restaurantes veganos estão abrindo em todo lugar. A cadeia de pizzarias Domino’s seguiu a tendência lançando sua primeira pizza vegan no fim de 2013. Tel Aviv parece ser a cidade com mais opções, mas de acordo com o site HappyCow é possível comer bem como vegano em toda Israel.

4. Jamaica

A maior parte dos seguidores do movimento Rastafári seguem a dieta ital, que é vegetariana (às vezes vegana). Ainda que os rastas representem apenas entre 8 e 10% da população da Jamaica, sua presença e o clima da ilha são fatores favoráveis para plantações de frutas e vegetais deliciosos, o que significa ótima comida. As cidades de Kingston e Negril vão oferecer toda a comida livre de carne que você procura: uma cornucópia de coco, batatas doces e pães de banana!

5. Cingapura

A diversidade cultural de Cingapura leva o melhor das comidas japonesa, malaia e mediterrânea para a mesa. O HappyCow lista 286 restaurantes vegetarianos na ilha. Ainda que seja fácil encontrar comida vegetariana, fique atento para o uso dos molhos de peixe/ostra e pasta de camarão, ingredientes largamente utilizados na comida do Sudeste Asiático e que podem acabar usados mesmo em pratos vegetarianos.

Ver 1 comentário